Encerra o Programa de Desenvolvimento de Analistas de Supply Chain da FMC

Durante dez meses colaboradores das áreas de Planejamento, Suprimentos, Logística e Engenharia Industrial da multinacional norte-americana FMC Technologies, unidade de Macaé (RJ), participaram do Programa de Desenvolvimento de Analistas de Supply Chain, comandado pela equipe Ágora-Entertraining.

Com encontros quinzenais, o Programa foi dividido em cinco etapas para que pudesse trabalhar de forma ampla e aprofundada todas as competências dos analistas, sendo: Metodologias para Melhoria de Processo e Produtividade; Competências Comportamentais; Técnicas de Apoio à Decisão; Competências Técnicas em Supply Chain e Ferramentas de Suporte.

Foram 196 horas de aprendizado, que envolveu teoria e prática passando por todos os processos de trabalho e aplicando técnicas e metodologias para melhorias e otimização dos trabalhos. Ao final, os analistas desenvolveram projetos capazes de gerar resultados tangíveis e significativos para a empresa relacionados à redução do tempo de ciclo, redução de capital de giro e redução de atrasos.

No dia 31 de agosto aconteceu no Learning Center Macaé, Auditório Oscar Niemeyer, o encerramento do programa e apresentação dos projetos aos gerentes da FMC. De acordo com o Gerente de Planejamento e Logística Interna da FMC Technologies, Hugo Pimenta, “temas relevantes foram trazidos para uma discussão ampla e com vistas ao desenvolvimento de soluções que vão impactar positivamente o nosso negócio. Além disso, conseguimos perceber claramente o quanto nossos colaboradores transpareceram, em suas apresentações, os valores da nossa empresa. Temos hoje uma equipe mais forte e mais preparada para enfrentar os desafios”.

Ainda segundo Pimenta, até o fim deste ano a meta da empresa é consolidar os ganhos dos projetos apresentados. “Para o exercício de 2016, contaremos com esse grupo para ampliar a nossa capacidade de transformar nossos processos e tornar a empresa mais competitiva. Vamos avançar uma vez mais no processo de melhoria contínua, investindo em novos projetos” conclui.